Conversa nº2: André Aranha
entrevista

Conversa nº2: André Aranha

Conversa nº2: André Aranha

 

no dia quatro de maio de 2017, no final da tarde, eu e arthur nos reunimos com andré em volta da mesa do centro acadêmico da primeira escola (é o que dizem) de desenho industrial da américa latina. conversamos sobre as possibilidades de experimentação gráfica e liberdade de organização traduzidas no Colaboratório, oficina que, durante alguns poucos anos na ESDI, tentou construir um espaço autogestionado de diálogo e criação, reativando um antigo e abandonado laboratório nas dependências da Escola. lá nos eram disponibilizados alguns interessantes equipamentos, como uma grande guilhotina, uma máquina de serigrafia, uma tipografia, etc. durante algum tempo, o Colaboratório foi um espaço de troca e de construção de outras possibilidades de produção.
Continue reading »

Os índios sob o olhar de José Medeiros
instantâneos

Os índios sob o olhar de José Medeiros

Piauiense, nascido em 1921, José Medeiros é um dos precursores do fotojornalismo moderno no Brasil, tendo colaborado com diversas revistas, entre elas, O Cruzeiro. Em 1949 participou da expedição Roncador-Xingu para a revista TIME, registrando o primeiro contato de Xavantes com não índios. Em seguida, foi responsável por diversos registros de várias populações indígenas por … Continue reading »

Tiradentes 2014 e o Cinema Brasileiro Contemporâneo – Parte II
#3 Edição / cinema

Tiradentes 2014 e o Cinema Brasileiro Contemporâneo – Parte II

Tiradentes 2014 e o Cinema Brasileiro Contemporâneo – Parte II

Artigo de Vitor Faria

Longas e curtas exibidos em Tiradentes: Dois Filmes com Marat Descartes. A parceria de Marcelo Gomes e Cao Guimarães. O novo filme de Ricardo Miranda. A metalinguagem de Murilo Salles. A Operação Sonia Silk. Outros filmes e curtas-metragens
Continue reading »

Manduka – Brasil 1500
instantâneos / música

Manduka – Brasil 1500

Brasil 1500

Brasil 1500

Filho e afilhado de poetas, Manduka começou sua peregrinação de latino-americano em 1972 no Chile, com o álbum “Brasil 1500”. No decorrer do caminho registrou encontros com Los Jaivas, Naná Vasconcelos e Dominguinhos. Nos anos 90 realizou o projeto Conversas Brasileiras, lançou o livro de poesias “De algo pro vinho” e no final da vida se dedicou ao seu trabalho nas artes plásticas.

Continue reading »